Sexo, prazer e liberdade

Por Loba


Aquela sensação gostosa que te arrepia dos pés a cabeça e te faz pensar em loucuras, seja onde for, em qualquer lugar, aqui e agora, hum!

Que delícia está sensação que me deixa excitada só de pensar!

Mas será que devo me render a este sentimento, a esta vontade que me queima por dentro?

O que irão pensar de mim?

E se descobrirem?

Ah! Estas vontades na maioria das vezes são encobertas, é o sentimento de culpa que nos faz renunciar a tudo que sentimos, pensamos, tudo que queremos descobrir.

Muitas pessoas ainda estão presas a dogmas religiosos, tradições familiares e presos até pelo próprio pensamento, em achar o que é certo ou errado, muitos não vivem aquilo que gostariam e se reprimem, vive uma vida angustiada, vítimas do próprio preconceito.

Rótulos! Isso mesmo, rótulos! Mulheres que tem mais de um parceiro são rotuladas de promíscuas ou ninfomaníacas, mas este último vou deixar para falar no próximo post.
Não tenho vergonha de dizer que adoro sexo, sexo, sexo por puro prazer, para matar a vontade, por curiosidade, por diversão, sexo por sexo, e se render a este prazer foi a melhor coisa que já me aconteceu, sim, mas com devidas precauções!

Não estou aqui para incitar você a abandonar suas tradições, crenças, e mergulhar fundo neste mundo de prazer e autoconhecimento, mas, para dizer que não a nada melhor que se sentir livre, sem culpas, sem travas, apenas livre para satisfazer todos os desejos mais secretos.

Desde criança somos ensinados que a masturbação é pecado, que uma moça direita não pode assistir a certos filmes e que devemos casar virgem! Pois bem! O mundo mudou!
Quando criança, já sentia certo prazer ao estimular o clitóris, curiosa, quanto mais estimulava mais tinha vontade e prazer, era apenas uma criança descobrindo as sensações do seu corpo, normal!

Na adolescência, com o corpo e hormônios em efervescência, foram várias descobertas e novas sensações, paixões, desilusões... Nessa época descobri o quão maravilhoso é o sexo! Experiências com ambos os sexos me fizeram enxergar além dos tabus da sociedade, e hoje, me sinto realizada, falar sobre sexo com várias pessoas de idades diferentes, me mostrou que muitos por 'medo' deixaram de ter suas próprias experiências, de se descobrir, de realizar suas fantasias...

Não culpe os outros, a permissão para a liberdade em questão está em você, se permita, livre-se das algemas do moralismo, sinta prazer com você mesmo e mergulhe neste intenso e prazeroso mundo do sexo!



--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados

All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

3 comentários :

  1. Perfeito, a liberdade está em nós, somos o que nós pensamos!
    BJOS

    ResponderExcluir
  2. Cheguei agora!!!
    E doida para interagir com os leitores e minhas novas parceiras!

    Beijos Leninha, Loba e Moranguinho com Chocolate (Luka) !

    ResponderExcluir
  3. Beijos minhas queridas, é muito prazeroso escrever livremente sobre sexo, somos livres para pensar de agir de acordo com o que queremos, sejamos livres!

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!