À Galope

por Lena Lopez 

Quando tenho às rédeas
Nada me detém
nessa montaria
as vezes sou delicada
e vou à trote
doutras sou selvagem
quero o galope
tudo depende da minha sanha
Minhas mãos no teu peito
como amazona te monto
nessa cavalgadura
se agrava o meu cio
Quero ir ao paraíso
e encontrar o encanto
do momento do gozo
repleto de fantasias
No caminho
te molho
te lambuzo
te melo
me derramo em teu corpo
anuncio num grito
que queima todo o meu corpo
que no meio de espasmos
cheguei aonde eu queria
e apeei num orgasmo!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!