D.ra Tonha®: Ejaculação Feminina

por H. Thiesen

 Ejaculação feminina é algo que ocorre, pasmem, somente em mulheres, quando submetidas a uma situação de extremo prazer. 
 Podemos afirmar, sem nenhuma dúvida, que é a gozada perfeita e sempre ocorre quando a mulher recebe do seu parceiro o que mais desejam, ou seja, a mulher gozará infinitamente quando ele lhe comunicar que comprou para ela, um radinho com um Camaro amarelo em sua volta ou quando ele liberar a mufufa para ela compra aquela bolsa cravejada de diamantes e ridícula, usada pela sua atriz preferida na entrega do Oscar. Se bem que, eu Dr.a Tonha, acho que isso é urina! 
A ejaculação feminina, que ocorre somente em organismos femininos, se faz presente durante o orgasmo, quando algumas glândulas totalmente desconhecidas da maioria dos leigos, produzem um líquido esbranquiçado e denso, parecido com gelatina natural fora da geladeira a um bom tempo, é uma reação da vagina a algo externo, que provavelmente não será um pênis. Como segue:
- Segundo alguns médicos, a ejaculação feminina, ocorre pela estimulação do ponto G da mulher e por isso mesmo, torna-se um mistério para a maioria das mulheres, pois o problema é encontrar, o pontinho certo do gozo exacerbado. Dizem alguns médicos que o ponto G é análogo a próstata masculina, sendo assim, será que não procuram por ele no buraco errado?
- Segundo pesquisas recentes, a estimulação desse ponto tão desconhecido e quase impossível de ser encontrado, faria que as glândulas presentes no aparelho reprodutor feminino, jorrassem com abundância esse líquido precioso e que segundo estudos e não sei como o estudaram, não serve para nada. Mas deixemos que os pesquisadores, futuramente, achem uma serventia para ele, que não seja somente suprir a curiosidade alheia e os desejos masculino e por que não femininos, de levar uma esporrada fêmea na cara.
- Segundo relatos antigos, a primeira ejaculação feminina ocorreu, pasmem novamente, numa mulher! Algo impensável para os parâmetros sexuais daquela época, porém fica a pergunta... quem era ela? Geralmente este líquido está relacionado a peripécias sexuais, como orgias e transas sexuais com vários dias de duração, sem nenhuma pausa e qualquer espécie de reidratação, ou seja, ele aparece se a mulher foder sem parar! 
O século XX trouxe à tona, algumas conclusivas sobre o assunto e é claro foram largamente aproveitadas pela industria de filmes pornôs: 
- Dá-se um jeito para a atriz ejacular como uma mangueira de bombeiros e ganha-se muito dinheiro com os punheteiros de plantão! 
Se há alguma coisa que a indústria pornográfica adora, é bizarrice, claro, desde que tenha relação com sexo e de lucros exorbitantes, dessa maneira a ejaculação feminina é explorada por ela e dezenas de mulheres jorram orgasmos em centenas de cenas, molhando tudo e todos, que depois é vendido a quem jamais conseguirá ver ao vivo. 
No entanto, alguns especialistas elaboraram teses mirabolantes e as vezes ridículas, tipo: 
A ejaculação feminina e o aparecimento de jatos fluídicos, é uma expulsão convulsiva de líquidos que ocorre paralelamente ao orgasmo de algumas mulheres. A observação de tais orgasmos, demonstra que grandes quantidades de líquido são expelidos em esguichos sequenciais e não estão relacionados à vagina, mas à uretra! Ou seja, com todo o respeito aos pesquisadores e estudiosos, eles dizem ser, pomposamente, que trata-se nada a mais e nada a menos, do que mijo, pura e simplesmente, diretamente falando! Mas outros dizem que não é, em hipótese nenhuma, relacionado à urina. Assim sendo, se não também não é mijo, não serve para nada, muito menos para fazer uma chuva dourada! Ou será que os adeptos do sexo pluvial já inventaram a chuva prateada? A composição dessa porra feminina, que é expelida em jatos enormes e esguichos cansativ
os, é motivo de muitos estudos e divergências e chega a ser comparado a fórmula da Coca-Cola, um mistério, guardadíssimo à sete chaves, que ninguém sabe e ninguém viu! No meio de tantas pesquisas, artigos, relatos, etc, chega-se a conclusões de que "há mulheres ejaculando diariamente, por todo o planeta". E, tais pesquisas nos levam a uma assertiva: 
- Isso acontece com todo mundo, menos conosco! Bem, não sejamos tão céticas, por que vez ou outras, nós ficamos "pingando"! Não é meninas?

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!