Oral e Inevitável

por H. Thiesen

Há certas coisas que fogem do controle, são inevitáveis e o desejo é uma delas, quando ele abate, entorpece os sentidos.
Ela sentia-o firme e ereto com o toque dos seus dedos finos e compridos. O calor do contato fê-lo exalar um cheiro característico. Além do perfume que entrava pelas suas narinas, o atrito do seu tato deixava-o umedecido, isso somado àquele momento inebriante, levavam-na a um estado de excitação anormal.
A boca entreaberta, aguando-se de saliva, um frio no ventre denunciava o seu desejo e o peito ofegante desnudava-a da ansiedade.
Ela contornava os lábios com língua e insaciável, previa em sua boca o sabor, engolia a saliva tentando saciar-se com...

CONTINUE LENDO!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!