Que Tesão Danado!

por: Lena Lopez

Acordei suada
Com um tesão danado
Virei para o lado
Você não estava na cama
Já tinhas saído
Levantei rapidinho
Saí correndo
Fui para o banheiro
Eu estava apertada
É sempre assim
Acordo tesuda
Com a bexiga estourando
Já aliviada
Fui para o chuveiro
Molhei o meu corpo
Passei sabonete
As mãos deslizavam
O tesão não passava
Lembrei de você
Fiquei toda melada
Não me contive
Então resolvi
Dar um jeito eu mesma
Acariciei os meus seios
Apertei os mamilos
Tudo com delicadeza
Fui descendo a mão
Bem devagarinho
Foi uma delícia
Passar pelo umbigo
Desci até as virilhas
A agua corria
A espuma ajudava
A mão deslizava
Entrei pelas pernas
No lugarzinho fogoso
Acariciei com o dedinho
Ficou muito gostoso
O botãozinho melado
Dedilhei com carinho
Eu me arrepiei
Fui um pouco mais fundo
Meu dedinho entrou
Mexi pra frente e pra trás
O tesão aumentou
Sem muito esforço
Mas com persistência
Meu corpo tremeu
Eu gozei rapidinho
Que siririca gostosa!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados

All Rights Reserved

DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!