Calcinha de Seda

por H. Thiesen

Sob o tecido delicado
da minha calcinha de seda,
guardo em lugar secreto,
a minha doce relíquia
alvo dos teus desejos.
Sob o tecido fino
da minha calcinha de seda
guardo uma flor delicada
que exala cheiro de fêmea
e ansiosa espera por ti
Sob o tecido úmido
da minha calcinha de seda
guardo como um segredo
uma colmeia de mel
para te saciar a sede
e matar a tua fome
Sob o tecido delgado
da minha calcinha de seda
guardo teu maior desejo
a minha vagina molhada
com néctar açucarado
vertido do meu tesão!



--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados

All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Um comentário :

  1. Ela me olha e já subo nas paredes
    Se ela chama, eu sou peixe na rede
    É uma coisa assim tão louca
    Me deixa água na boca
    Ela desfaz o que eu faço e disponho
    Ela refaz o roteiro do meu sonho
    É uma coisa assim tão louca
    Me deixa água na boca

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!