A Exibicionista e o Voyeur

por H. Thiesen

Sem sono e fogosa, abro a janela do quarto e me exponho sobre a cama. Exibicionista e sacana, acendo a luz e a fazer trejeitos, mostrando de uma vez a minha silhueta, numa lingerie pequena, para chamar a tua atenção e aumentar meu tesão,
Preguiçosa e manhosa, tomando um ar de escandalosa, acaricio meu corpo, seguro e empino os seios, apresentando os meios, pra te levar à loucura e embaixo dos teus olhos vorazes, propiciar-me prazer.
Sei que você está me observando e talvez se masturbando, sem perder a atenção para cada movimento da minha janela. Já vi outras vezes, que furtivamente você me olha da tua janela, no prédio do outro lado da rua. Procuro te encontrar na penumbra e discretamente encontrar um lugar no meu quarto, para que você me veja melhor. Com o rabo de olho te vejo, na sombra de tua sacada, pensando que não pode ser visto, acreditando-se oculto pela penumbra.
Não sabe você, como eu sou exibicionista e ser espiada por alguém, é um dos meus maiores fetiches.
Passo as mãos em meu corpo e uma a...

CONTINUE LENDO!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"

Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!