Meus olhos sobre o teu corpo!

por H. Thiesen

A noite passada fizemos amor, você estava radiante e eu me senti a mulher mais feliz do mundo. Depois de tudo o que passamos, ter você ao meu lado é como alcançar o céu. Poder tocá-la novamente, sentir a tua pele quente, beijar a tua boca, acariciar teus seios e entrelaçar-me ao teu corpo, faz da nossa cama um paraíso Te abraçar é o aconchego que preciso, te beijar é provar os melhores vinhos e que me enebria, tua voz é uma musica suave ao meus ouvidos, tua respiração ofegante uma brisa sobre o meu corpo. assim, desse jeito, nos amamos a noite passada, nos entregamos totalmente uma a outra. Depois você dormiu no meu ombro, mas eu estava feliz e essa felicidade não me deixou fechar os olhos.
Imagem cedida por JordanaTelles.com
Tanto tempo ficamos afastadas e finalmente você estava diante dos meus olhos, com cuidado, para não te acordar, deitei tua cabeça no travesseiro. Você estava cansada, a viagem foi longa e dormia um sono profundo, não me furtei a te observar, passeei meus olhos pelo teu corpo. Você estava nua, teu corpo moreno e descoberto, diante dos meus olhos. Admirei teus seios marcados pelo sol das praias da Espanha, as auréolas e os mamilos rosados, davam-lhe um toque sensual, deitada de lado teus braços os apertavam e lhes exaltavam o volume e contrastavam com o esmalte vermelho. Teus quadris davam uma silhueta linda a cintura fina. Teu púbis em forma de um pequeno triângulo de pelinhos negros e aparado rente a pele, circundado pela marca do sol de Málaga, mostrava a direção do prazer. Prolonguei meu olhar sobre tuas pernas torneadas e teus pés lindos.
Não aguentei, me excitei novamente com a visão do teu corpo, mas não ousei acordá-la. Lembrei das horas anteriores, cena por cena, toque por toque, beijo por beijo, Lembrei dos nossos corpos entrelaçados, nossos sexos se roçando, nossas mãos passeando e nossos seios espremidos e totalmente unidos durante os nossos abraços. Enquanto tudo isso passava pelo meu pensamento, eu me masturbava, olhando teus rosto, tua boca e todo o teu corpo. Uma de minhas mãos, acariciava-me resoluta entre as pernas e a outra sobre os seios eriçados, apertava os mamilos com os dedos. Meu corpo queimava de tesão e em instantes eu estava toda molhada e ungida pelo néctar de Vênus. Meus dedos estavam nervosos, me invadiam, entravam e saiam, com a palma da mão eu friccionava e apertava o meu clitóris.
A excitação aumentou e me levou em poucos minutos a um orgasmo imenso e gozo foi extremamente delicioso. Depois, cansada, eu deitei do teu lado e finalmente dormi!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog
.

Um comentário :

  1. Hummmmmm amei este texto tão sedutor-
    Um sussurro
    http://anginhasexy.blogspot.pt/

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!