Boca Faminta

por H. Thiesen 

Desesperada, eu não conseguia me controlar, com o calor daquela língua sedenta no meio das minhas pernas. Sua lingua açoitava meu clitóris como um chicote e serpenteava-o insistentemente de baixo para cima e de cima para baixo.
Eu retorcia-me na cama e cravava as unhas no travesseiro, apertando-o contra os meus seios. Sem noção, gemia e gritava, pedindo para ela não parar. Sim, eu arfava e suplicava por mais e mais.
Como que tomada por uma fome incontrolável, ela me devorava e parecia sugar todas as minhas força para si.
Todos os meus pensamentos se dissolveram e entreguei-me aos anseios do meu corpo. Derretia-me a cada lambida, tornando-me um verdadeiro riacho, escorrendo entre as coxas.
O prazer lascivo daquele momento, repleto de luxúria, dava um toque febril, que me estremecia e transformava meu corpo, como se fosse uma construção preste à ruir.
Tremendo, pedia-lhe pela sua boca completa à envolver o meu sexo e com palavras desconexas, suplicava que ela me invadisse e por leves mordidas em meu clitóris.
E, implodindo-me, senti no meu interior uma verdadeira explosão, a derrubar meus alicerces, a qual coloquei para fora, gozando aos urros e berros. Já não me importava mais, o que eu fazia e nem mesmo, onde eu estava, me entreguei totalmente ao orgasmo, azar se alguém me ouvisse, lá do lado de fora.
Meu gozo brotou farto e deliberado, derramei abundante, o néctar do meu sexo molhado, naquela boca faminta.

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog
.

3 comentários :

  1. Nada mais quente que duas mulheres se pegando. Um dia ainda desfrutarei desse deleite, ficarei na cadeira somente a punhetar. rsrs..

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Quanta doçura e veracidade!!

    Beijoos
    Por aqui-http://anseiosedevaneiossexuais.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Não tem como não delirar aqui. Este canto é encanto e tu, ah, tu, tu és simplesmente pedaço de mim, metade de meus desejos. Menina, como gosto quando tu te derramas, em contos, poesias, histórias, pois sei que é tua essência de tesão. bjo, bjo, bjo.. yllenah

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!