Putarias de uma descasada

por H. Thiesen

- Amiga... Lembra do Paulinho?
- O Paulinho... Ora, é claro que eu lembro! Grande pau!
- Sua safada!
- Safadíssima, ele foi o meu melhor pau amigo!
- Pau amigo? Fiquei curiosa, me conta?
- Então senta, é uma longa história!
- Sou toda ouvidos!
- Conheci-o logo depois que me divorciei, numa festa na casa de uma amiga, com músicas estourando os tímpanos, na época eu andava matando cachorros à gritos e com um atraso monumental, já tinha até criado um calo na ponta do dedo. Ele me disse que a namorada estava indisposta, mas na verdade eles tinham brigado e ele deu um desdobre para ir à festa.
- Normal, todos os homens são iguais!
- Lógico! Mas, o importante é que ele queria apenas me comer e  que, com aquela minha enorme seca, eu queria a mesma coisa, comê-lo inteirinho!
- Ehehe! Quem não conhece, que te compre!
- Pois é! Fingi derrubar uma taça de vinho tinto na calça dele, como uma boa amiga ajudei-o  a resolver o problema que criamos de caso pensado e procuramos por um quarto ou um banheiro vazio e quem sabe, até o quarto da empregada serviria também. Somente por saber que em alguns minutos eu estaria com um pau na boca, já fiquei excitada. Subimos uma escada e achamos um quarto, que estava escuro, apenas com a televisão ligada. Claro, nem eu e nem ele precisávamos de luzes acesas, no máximo, eu queria ouvir uns gemidos, uma respiração ofegante e talvez... Algumas palavras mais quentes.
- Ui! Só de pensar amiga, to ficando molhada!
- Espera, deixa eu te contar!
- Conta, eu quero detalhes!
- Ele abriu minha blusa, pegou nos meus seios e os espremeu.  Começou a chupá-los e a lambuza-los com saliva, de uma forma que eu me lambuzei embaixo também. Abri o zíper, baixei a calça dele, tirei o pau para fora e soquei a melhor punheta que já soquei para alguém, fui tão competente que ele me pediu para parar e teve que segurar o gozo, tanto que eu sentia o pau latejando na minha mão.
- Latejando? Adoooooooooooro!
- Calma! Ele me jogou contra uma parede e voou para cima de mim. Arrancou a minha mini-saia, e  a minha calcinha, me pegou no colo, tapou minha boca e meteu com a força de um leão. Foi tanto tesão que tive vontade de  gritar e muito. Queria gemer feito uma gata no cio, mas a mão dele não deixava. Ele mexia muito rápido e eu ficava louca e ofegante. Enquanto ele me comia, também bolinava meu cuzinho com o dedo da mão direita., Eu achava que ia morrer de prazer.
- Caralho, que pegada!
- Então ele largou minha boca e bem nessa hora eu gozei, dei um grito esganiçado! Ele me chamou de louca e me lembrou de onde estávamos. Recompomos as roupas rapidamente e logo alguém apareceu no quarto perguntando o que havia acontecido. Nem lembro qual desculpa inventamos, mas com certeza não acreditaram, por que a minha cara deveria estampar toda a satisfação que eu senti naquele orgasmo estrondoso.
- Imagino a tua cara disfarçada, ahahahaha!
- Bem, descemos para o piso e fomos ao jardim tomar um ar, a namorada dele ligou pedindo desculpas pela briga e ele resolveu ir embora.
- E ficou assim? Só nessa foda?
- Que nada! No outro dia mandei uma mensagem pelo celular: Foi a melhor foda da minha vida! Quero mais!
- Amor de pica é o que fica!
- Claro, depois disso nos encontramos outras vezes e gozei muito naquele pau!
- E você não quis voltar para o ex-marido?
- Depois que me separei, descobri que existem paus bem melhores, nunca mais!
- Essa história me deixou excitada!
- E como você acha que fiquei, lembrando dessa foda deliciosa! Queria um pau agora!
- Amiga, quem não tem pau...
- Fode com xana!
- Então... Vem!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

Um comentário :

  1. Hummmm.... que bela história...
    E ela não perdeu tempo... quem não tem pau fode com xana... e quem não tem xana... fica na mão!!!
    Beijos menina... tuas histórias não deixam a gente nem chegar ao final que fico de pau duro..
    E não consigo parar até o final...
    Delícia você... excelente semana!!!

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!