Vontades e Taras



por H. Thiesen 

Depois que minhas mãos
Deixam teu corpo
Admiro teu clímax
Fi-lo antes,
Quente e rijo
Vi-o pulsar e jorrar
Resta-me gotas do gozo
E com elas o gosto
Que a minha boca almeja
Sugar à última gota!
São minhas vontades
São minhas taras!




--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

2 comentários :

  1. Hummm ofereço-me.... posso matar tuas vontades ó Minha Deusa Germânica???
    Delícia de poema... deliciosa escritora!!!

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!