Tributo ao boquete

por H. Thiesen

O teu sabor é meu doce martírio, enquanto eu agasalho o brilho do teu sabre na bainha da minha boca e que me faz uma engolidora gulosa e voraz. E massageio a espada, com jeito dócil e frenético, o objeto da minha perdição, nas lambidas de cima para baixo e que o fazem pulsar entre os meus dedos.
Delirante estremeço, na frente do falo crescente, que pouco que resiste aos toques refinados e mimos da minha boca, que torna-se cheia de carne viva, um agasalho da haste viril.
Então, me farto feliz, com tamanha vara, que satisfaz minha gula e rendida fica estaqueada, paciente à minha devora. Aguço-a com a minha língua medonha, serpenteando-a como uma víbora, babando-a com a minha peçonha, molhando-a com meu oral pecado. Lânguida e manhosa, eu gosto, lavando-a com a minha loucura e lambuzando com a saliva, faço brilhar a espada. 
É o meu troféu de carne, apertada entre as mãos, não quero a salvação, eu prefiro chupar tudo. Com isso, continuo a tortura, lambendo e imolando, gemendo para provocar e ela ficar bem dura. E o meu veneno enfeitiça, vem contra a feiticeira, eu me encanto e a engulo da ponta até os caroços. É como mágica maldita, eu me engasgo e salivo, com a cabeça na garganta e as bolas rente a boca.
O ar me falta e me enrosco, a vara na minha língua, como quem gosta e se apossa, como menina travessa, de um pirulito bem doce. Ralho com a vara querendo, deliciosa recompensa, o meu manjar favorito, a seiva e a essência. Fico ansiosa e apressada, deixo a vara lambuzada, peço ajuda das mãos. Aperto entre os dedos, leva pra frente e pra trás, a cabeça entre os lábios e língua de leve a raspar.
No urro a vara estremece, pulsa e jorra farto, enche minha boca de leite, quente, viscoso e esbranquiçado. Brinco com ela um pouco, deixo-a bem melada e logo a vara se rende, ficando mole e cansada.
É assim o sexo oral ou o pomposo felatio, vulgarizado como chupada, que todo mundo conhece, gosta de fazer ou ganhar, o delicioso boquete!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

7 comentários :

  1. Li e reli...!!! Fui ler uma terceira vez e me recusei a ler!!
    Eu fiquei com a impressão que preciso aprender muito para escrever assim...
    Um show de texto... que me imaginei recebendo essa chupada deliciosa, ouvindo esse texto em voz alta... Um texto brilhante! Peça rara!
    Um espetáculo de leitura... sem mais palavras para o elogio!!
    Beijos moça talentosa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não és gaja, só uma mulher nasce assim, para dar prazer sem limites... seja a homem ou mulher!

      Excluir
  2. É sempre delicioso quando existe vontade e se conhece muito bem a pessoa a que se decide oferecer o Boquet! Gostei do conto.

    Bjocas
    Lindo fim de semana.

    Prazeres e Carinhos Sexuais

    ResponderExcluir
  3. A chamada chupadinha deve ser isso mesmo. Total ou pelo menos até o homem estar quase a "rebentar" e aí passar-se para o sexo vaginal. Tema muito bem escrito, clamando pela excitação de quem lê.

    ResponderExcluir
  4. Um excelente tributo..que deixa uma enorme vontade de ser presenteado com tal enorme e deliciosa arte :)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Poucos merecem serem sorvidos até a última gota, chérry!

    ResponderExcluir
  6. Adorei! é das coisas que mais gosto de fazer a um homem,longo, demorado e gosto de engolir, aí o psicológico (como tu sabes, de certeza) joga também, porque significa que todo o seu corpo não enoja a mulher. Gosto mesmo muito de dar sexo oral, mais do que receber,e adoro piscar o olho ao homem enquanto o faço. Parabéns por mais este excelente texto amiga!

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!