Beba-me!

por H. Thiesen 

Bebe desse prazer insano,
No meu cálice de lascívia.
Inebriada estou, 
Por essa vontade mundana,
Do qual somente o teu corpo
É capaz de me libertar!

Bebe desse prazer imenso
Nas minhas águas torrentes.
Embevecida estou,
Por esse desejo ardente
Que somente tua língua
É capaz de aplacar!

Bebe desse prazer liberto
No meu pote de mel
Exaurida estou,
Por esse gozo imenso
Que somente a tua boca
É capaz de me brindar!

Bebe,
Meu desejo,
Meu prazer
E meu orgasmo!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

5 comentários :

  1. Que imagem tão sexy, de um corpo tão quente e esbelto

    ResponderExcluir
  2. Bebo-te até a ultima gota
    Bebo teu prazer até encher minha boca
    Dessa buceta que é uma fonte que me esgota
    É meu prazer... essa coissa louca!

    Bebo-te todinha, loira deliciosa
    Pois és uma dádiva, coisa preciosa...
    Esse teu mel é meu e de ninguém mais....
    Bebo-te até esgotar meus ais...

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!