Crônica de uma Xoxota Revoltada

por H. Thiesen 

As vezes eu paro no tempo e fico pensando, há muitos preconceitos sobre mim e minhas amigas, parecidas ou não comigo. Nós podemos ter várias formas, grandes, pequenas, beiçudas, gordinhas, magrinhas, peludas, aparadas e carecas. 
Somos chamadas de diversos nomes, quando pequenas de xexecas, depois maiorzinhas passam a nos chamar de xanas, xaninhas, xoxotas, diminuitivo carinhoso de xota (por sinal este e ridículo!), mas temos outros apelidos, pererecas, aranhas e outros de origem animal, temos nomes científicos, os médicos nos chamam de vaginas ou vulvas e até de canal vaginal, mas pensando bem, imaginem alguém cantando uma mulher para fazer sexo:
- Amor, quero comer o seu canal vaginal!
- Ahahahahahah!!!! Seria engraçadíssimo!
- Querida, vou chupar a sua vulva!
- Ridículo!
Já ouvi por aí, outros apelidos, até automobilísticos, o Capô de Fusca! Em tempos de Ecologia e Sustentabilidade, Fonte do Prazer, vem a calhar! Os românticos e poetas nos chamam de Flor do Amor, metaforamente falando! E tem gente que acha que temos mania de perseguição, nos chamam de Perseguidas! Isso sem falar no mitológico, Monte de Vênus e no pretensioso Casa do Caralho. Mas, não posso deixar de citar, o trivial, que anda de boca em boca e é o mais famoso Buceta. Ainda bem que em outros países, nos chamam de felinas, Chatte, Pussy, ou seja, gatinhas!
Felizmente, eu sou chamada carinhosamente pela Lena de Tonha:
- Tonha hoje você vai receber visitas!
- Tonha vamos raspar os pelinhos?
- Tonha, sua safada, está toda melada!
Adoro isso, mas a Loira é doida, coloca toda a culpa em mim, mas são coisas da cabeça dela, basta ela pensar em sexo e eu fico agitada!
Claro não é somente eu que tenho esses apelidos carinhosos, tive uma amiga que se chamava Sofia e hoje sou amiguíssima da Morinha, a xoxotinha da Amora, namorada da Lena. Conheci uma que se chamava Minha Filha e outra chamada Moto-Serra, não podia ver pau em pé, que derrubava na hora!
Apelidos à parte, nós somos milenares, surgimos a mais de dois milhões de anos, desde lá, fazemos parte das formas femininas. Somos quase onipresentes, onde houver uma mulher, nós estaremos lá! Somos objeto de discórdia desde o princípio dos tempos, quando Adão comeu a Eva, nós já existíamos e colocaram a culpa na maçã! Ehehehe!
De certa forma, nós também somos parte dos machos, se não fisicamente, pelo menos intelectualmente, uma vez que eles não param de pensar em nós e nos desejam diuturnamente, vivem atrás de nós!
Temos todas as tendências sexuais possíveis! Algumas de nós são héteros, só aceitam relacionamento com o sexo oposto. Outras são homos, somente se relacionam com outras iguais. Existem as bi, que preferem a totalidade, digamos que são flex. Tem as descoladas, se houver possibilidade, melam na hora, não interessa pra quem ou com quem! As empacadas, vivem meladas e não entram em ação nunca. As indecisas, quando veem uma igual, ficam loucas de vontade, mas não se decidem de jeito nenhum. É claro, não poderia faltar as fujonas, poem fogo, atiçam e na hora do bem bom, correm para as montanhas!
Foda mesmo é ser portal da humanidade, haja largura nessa hora! Não é fácil ter contrações, espasmos e dilatações! Xoxota sofre pra caramba!
Mas como disse acima, nós somos vítimas de muito preconceito. Falar em nós abertamente é vergonhoso, ninguém tem coragem. Quando falam, ficam cheios de entremeios e entrelinhas. Parece que somos um monstro!
Somos sem dúvida nenhuma, a coisa mais desejada do planeta. Essa é a minha teoria! Creio que aquela música, "Ela é a minha Popstar...", foi feita para nós! Nós temos status de estrelas mundiais! Quem não nos conhece ou ouviu falar de nós? Qual mulher não sentiu vontade de nos olhar, nem que seja através do espelho? Quem nunca sentiu vontade de nos tocar? Quantos e quantas nos desejam , para lambe, beijar, chupar, penetrar, sugar e claro, sei lá mais o que, os seres humanos tem cada idéia!? Quem nunca desejou mexer com o dedinho no nosso grelinho e quantos desejam lambe-lo? Exceto algumas exceções, qual homem nunca nos desejou? Quem não se excitou ao nos ver molhadas? Quem nunca quis gozar em nós ou gozar conosco? Quem nunca nos quis fazer gozar? Que homem não se sente premiado por tirar a nossa virgindade?
Não somos um simples objeto de prazer. Fazemos parte de um conjunto de formas, sensações e sentimentos. Somos muito importantes para ser deixada de lado, melhor, entre as pernas, como escravas do prazer. Merecemos melhor atenção, mais carinho, mais compreensão, mais dedicação e por que não, ficarmos na vitrine? Xoxota deveria estar na testa!
Nesses dias de correria, dedique-se um pouco à sua xoxota, ou se não tiver, à uma xoxota de sua preferência e converse com ela, diga-lhe o quanto ela é importante! Ora, quem consegue viver sem nós.
Dedique alguns minutos do seu dia e faça uma xoxotinha feliz!
Tá certo, sei que estou reclamando de vagina cheia, mas é que eu sou reclamona e muito revoltada!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

2 comentários :

  1. Vem cá minha amiga... ponha a Tonha na ponta de minha linguinha e de meu pau... ela ficará muito feliz... te prometo...
    Vou "deleitar-me oralmente nos lábios vaginais" de tua vagina....
    Vou chupar tua bucetinha bem gostoso... depois vou comê-la com muito jeito.. ela vai ficar meladinha!!!!

    ResponderExcluir
  2. Cuido bem da minha Chocolícia ! Nem adianta ela reclamar: rôla só com camisinha, afinal de contas quem gosta dela sou eu!!!

    ResponderExcluir

***********************************
ATENÇÃO COMEDORES, leiam antes de comentar:
Comentários que contenham, endereço de e-mail, telefones e propostas para relacionamentos, não serão publicados, para isso existem sites especializados. Também terão o mesmo destino, comentários ofensivos, discriminatórios e preconceituosos.
***********************************
OBRIGADA PELA SUA VISITA!